Gravando equações na HP e utilizando-as no Solve Equation

Essa é mais uma ferramenta fantástica que a HP nos oferece. Ela possibilita colocarmos uma fórmula em sua memória, com n incógnitas, e depois podemos chamar essa fórmula no Solve Equation, inserir as variáveis que conhecemos e calcular aquela que estamos procurando.

Para facilitar a explicação de como fazer isso, vou utilizar uma equação bem bobinha. Mas o processo, para equações mais complexas, será sempre o mesmo.
Vamos supor que eu queira armazenar e utilizar a equação correspondente a 1º Lei de Ohm, que é U=R.I, onde U é a tensão, R é a resistência e I é a corrente. Vamos ver passo a passo como fazer isso.
Armazenando a equação
Passo 1 – O primeiro passo é digitarmos a equação na calculadora. A maneira mais fácil e cômoda de se fazer isso é acessando o editor de equações apertando o botão shift direito e em seguida o botão correspondente a letra “o”. A seguinte tela irá aparecer:
13
Passo 2 – Em seguida devemos digitar a equação. No nosso caso ficará assim:
23
Passo 3 – Agora devemos dar um ENTER para que a equação apareça na tela principal da calculadora conforme mostrado abaixo.
33
Passo 4 – Chegou o momento de darmos nome à nossa fórmula. No nosso caso vou batizá-la de “OHM”. Para isso abra aspas no botão correspondente a letra “o” e, apertando o botão alfa duas vezes, digite o nome da equação. Ao terminar de digitar o nome, aperte novamente, por uma vez, o botão ALFA e em seguida o botão STO.
42
Prontinho!!! Sua equação já está armazenada na memória da HP. Uma observação importante a ser feita é que a equação ficará armazenada na pasta que estiver ativa no momento do armazenamento. Se vocês observarem as imagens anteriores assim como esta que eu coloquei logo abaixo, vão perceber que eu havia criado uma pasta chamada EQUAÇÕES dentro do diretório HOME da calculadora e que ela estava ativa quando apertei o botão STO. Isso significa que minha fórmula foi gravada dentro da pasta equações.
Caso tenham dificuldades em criar suas pastas, me avisem para que eu possa providenciar um post com esse tema. ;)
51
Utilizando a equação no Solve Equation
Vamos supor que temos um resistor de 470Ω ligado a uma fonte de tensão de 3V e queremos encontrar quantos amperes estão circulando por esse resistor. Vamos ver como calcular essa corrente:
Passo 1 – Aperte a tecla shift direito e em seguida a tecla 7 para entrar no menu “Numerical Solve”.
62
Passo 2 – Na tela que abrir, a opção “Solve equation…” estará selecionada. Aperte enter. Na próxima tela aperte o botão F2 para acessar a opção CHOOS.
71
Passo 3 – Na tela que abrir, navegando pelos diretórios e arquivos utilizando os botões F1 (referente ao comando TREE), F6 (referente ao comando OK) e as setinhas para cima e para baixo, encontre a fórmula a ser utlizada
8a
Passo 4 – Encontrada a fórmula, dê ENTER. No nosso caso, a tela deverá ficar assim:
81
Passo 5 – Agora basta digitar os valores de U e de R e em seguida deixar delecionada a variável I e apertar o botão F6, referente a opção SOLVE. Prontinho… você já tem o valor da sua corrente que é de 6,38mA.
91

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *